12/04/2014 - TEMA: Melhoramento Genético em Ovinos

MELHORAMENTO GENÉTICO PARA RESISTÊNCIA À VERMINOSE EM OVINOS – PARTE 4


A IMPORTÂNCIA DO CONTROLE ZOOTÉCNICO NO PROCESSO DE SELELÇÃO E MELHORAMENTO GENÉTICO


Nos textos anteriores ficou bem claro que é possível melhorar geneticamente um plantel de ovinos para alcançar um rebanho resistente à verminose. Foi mostrado também que este trabalho não depende da raça que compõe o plantel, pois os genes que conferem esta característica não são específicos de qualquer raça. Portanto a seleção de indivíduos resistentes é mais importante do que a de raças de ovinos resistentes. Por fim, foi relatada viabilidade do uso do método Famacha para identificar os animais resistentes e os resilientes à verminose. Nesta parte do artigo será abordada a importância que a escrituração zootécnica tem em todo o processo administrativo na criação de ovinos e, em particular, na implantação do melhoramento genético.

A escrituração zootécnica consiste na anotação de dados e ocorrências de relevância no rebanho e a sua organização por meio de algum método. O uso de um software de controle zootécnico neste ponto é fundamental. Os dados e ocorrências de maior importância são: dados de identificação do animal, dados reprodutivos, dados sanitários, compras, vendas, mortes, pesagens, entre outros. E dentre estas, a anotação dos dados obtidos através do método Famacha são de grande importância para a implementação de um sistema de melhoramento genético em ovinos para resistência à verminose.

A indicação básica deste método é que se realize os exames a cada 15 dias em todo o plantel, principalmente no início de sua implantação. Porém, se o método for aplicado com o objetivo principal de identificar a característica de resistência/resiliência nos animais, a sua realização a cada 30 dias é suficiente. Mas para obter um histórico confiável, uma constância destes exames por pelo menos um ano é necessária, sendo que quanto mais informações, melhor. Em vista disso, verifica-se que o número de dados gerados é muito grande, e a tabulação desses dados é necessária para obter êxito neste trabalho. Isso justifica o uso de um bom software de gestão zootécnica para armazena-los, tratá-los e transformá-los na informação adequada para o direcionamento do processo de seleção.

Além de conhecer os indivíduos que mais apresentaram resultados positivos (score Famacha de 3, 4 ou 5) durante o período avaliado, identificar esta característica nos ascendentes e nos descendentes também pode ser útil neste processo, para começar a verificar os animais que conseguem transmitir esta característica a seus filhos. Além disso, um processo de seleção e melhoramento genético num rebanho ovino não deve basear-se somente na resistência à verminose. Outros aspectos são importantes, como: ganho de peso, precocidade de acabamento e características de carcaça, taxa de prolificidade, produção de lã em caso de rebanhos laníferos, entre outros. Assim, é de suma importância conhecer e cruzar todas estas informações de cada animal para poder tomar a melhor decisão e direcionar de forma correta os descartes e os acasalamentos.

Desta forma, torna-se importante também o conhecimento dos índices de desempenho zootécnico coletivos do rebanho, para que se estabeleça as diretrizes do processo. Por exemplo, se um rebanho tem uma deficiência para genética de ganho de peso além de ter uma grande maioria de animais sensíveis à verminose, não é indicado que o criador selecione animais pensando em estabelecer um rebanho melhorado somente para esta característica. Ele precisa, ao mesmo tempo, selecionar animais resistentes à verminose e com bom ganho de peso. É possível perceber que, com duas características somente, já existe certa complexidade. Se forem inseridas mais características no melhoramento genético do rebanho, a complexidade se tornará cada vez maior. Tanto para conhecer os índices coletivos do rebanho, quanto de cada animal individualmente, o uso de um bom software de gestão é essencial.

Na tabela abaixo é possível verificar o resultado de um ano de histórico de aplicação do método Famacha em um rebanho, relacionando os animais pelo número de resultados positivos, em ordem crescente. Vejam que há animais no início da lista que não apresentaram nenhum resultado positivo ao longo deste período, enquanto os do final da lista chegaram a apresentar-se mais de 50% das vezes acometidos pela verminose. Estes dados são do Sítio Água Vermelha, no município de Sertãozinho – SP, e foram extraídos do software Pecuária Brasil Ovinos, que possui uma ferramenta para registrar e controlar os resultados do método Famacha aplicado no rebanho. Verifica-se a facilidade de identificar os animais que mais apresentam resultados positivos, traçando uma linha de corte.

ovelhas resistentes, resilientes e sensíveis à verminose - método Famacha

A figura abaixo mostra uma tela de filtragem existente no software Pecuária Brasil Ovinos, onde é possível identificar as matrizes de acordo com diversas características, inclusive cruzando estas características entre si. Neste exemplo foram definidos os dois critérios citados abaixo:

- porcentagem de “famachas positivos” acima de 40%, ou seja, animais que tiveram classificação 3, 4 ou 5 pelo método famacha em mais de 40% dos exames realizados durante um certo período

- Peso abaixo de 15,0 Kg dos filhos, quando estes tinham 90 dias de idade.

filtro índices zootécnicos em ovinos

Desta forma se torna mais fácil e seguro identificar animais que apresentam as mais diversas características de importância econômica, cruzando estas características entre si. Esta tela faz parte do Dossiê de Matrizes, uma ferramenta do software Pecuária Brasil Ovinos, e foi criada especialmente para ajudar técnicos e criadores no processo de seleção de seus rebanhos, avaliando mais de 20 índices de importância econômica.

Na próxima parte deste artigo serão mostrados resultados reais do processo de seleção para resistência à verminose em uma criação de ovinos. Serão também apresentados alguns dados estatísticos sobre este tema. Acompanhe. Siga para a parte 5.


Leia mais artigos em nossa página de conteúdo técnico em pecuária

Aproveite para conhecer melhor o software Pecuária Brasil Ovinos, uma excelente ferramenta para ajudá-lo a gerenciar melhor o seu rebanho.

Palavras chave: melhoramento genético, ovinos, resistência, verminose, pecuária, rebanho, raças, método FAMACHA, OPG.


Deixe seu comentário, é importante para nós. Sua experiência enriquece nosso trabalho, e contribuirá com todos que lerem este artigo depois de você.